50 anos do Padre Fernando

A Região Portuguesa dos Missionários Passionistas esteve em festa no dia 26 de fevereiro de 2016 com a celebração das bodas de ouro do Padre Fernando Ferreira, em Barroselas.

Cinquenta anos depois da sua ordenação sacerdotal, o Padre Fernando partilhou a sua história de amor com Deus. Desde muito novo, diz, teve “o desejo de ser padre, médico ou professor”. Mas a sua opção principal era a de ser padre para salvar a sua alma “e colaborar na salvação de todas as outras pessoas. Na verdade, a salvação e a construção do mundo, no que diz respeito a cada um, começa por nós mesmos: só poderemos salvar, se nos sentirmos salvos; só poderemos evangelizar, se nos sentirmos evangelizados; só poderemos colaborar na construção de um mundo cada vez mais justo, mais digno, mais fraterno, mais solidário e mais humano, se nos sentirmos alicerçados e enraizados em Cristo, como um edifício espiritual, e envolvidos num Projeto Comum”, disse.

Entre defeitos e virtudes, sucessos e insucessos, dias melhores e dias piores, Fernando Ferreira foi crescendo e amadurecendo na sua vocação Passionista. Durante a celebração eucarística, o aniversariante recordou os pais, os familiares, os colegas e todos os amigos que se cruzaram com ele ao longo da vida. E afirmou que o motivo Maior da sua vocação à vida religiosa e sacerdotal foi o sentir-se bem, procurando a sua salvação e, ao mesmo tempo, “a salvação e a felicidade de todos”. Esse motivo continua, o Projeto não chegou ao fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *