Ano da Fé – “Somos o Povo de Deus”

Ontem, 5 de novembro de 2012 teve lugar a segunda conferência/reflexão do Ano da Fé no Salão nobre do Seminário, orientada pelo neo-sacerdote César Costa.

Após o mistério da igreja, colocado como primeiro capítulo da Lumen Gentium, passa-se a considerar o Povo de Deus (segundo capítulo da Lumen Gentium 9-17). Ser cristão é ser membro do Povo de Deus.

Em primeiro plano emergiu a imagem bíblica de Povo de Deus, comum no Antigo Testamento, que situa a igreja dentro da trajetória da história da salvação.

O Concílio faz afirmações transcendentais, como por exemplo, quando diz que Deus não quer salvar os homens sem conexão de uns com os outros, mas constituindo-os em um povo. Assim, não nos salvamos sozinhos, mas comunitariamente, constituindo um povo. A salvação é comunitária e deve-se viver comunitariamente.

Apenas na perspetiva do Povo de Deus é que as funções e ministérios com que o Espírito o dotou adquirem seu verdadeiro sentido e apenas ganham significado dentro da comunidade e ao serviço do Povo de Deus…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *