Superiores Provinciais Passionistas da Itália, da França e de Portugal: uma Província única?

 

Nos dias 27 e 28 de Agosto 2012, estiveram reunidos pela primeira vez na nossa casa de Barroselas (Viana do Castelo) os Superiores Provinciais das 6 províncias passionistas da Itália, PP. Giuseppe Adobati (CORM), Piegiorgio Bartoli (PIET), Fiorenzo Bordo (PRAES), Cosimo Chianura (LAT), Leone Masnata (CFIXI) e Enzo Del Brocco (DOL)); da mesma forma, tomaram parte neste encontro o Superior Provincial dos Passionistas da França, P. Guy Syonneau (MICH), e o Superior Provincial dos Passionistas em Portugal, P. Laureano Alves Pereira (FAT), com os seus Consultores (PP. José Queirós e Paulo Ferreira Gomes).

Objetivo principal e único desta magna reunião, no âmbito da Reestruturação da Congregação em curso, o estudo da possibilidade de estas atuais Províncias Religiosas, com as suas respetivas Missões na Bulgária, Quénia e Angola, poderem constituir uma única Província jurídica.

Do estudo resultou um consenso unânime, tendo sido assinada por todos uma proposta conjunta a ser submetida ao Capítulo Geral da Congregação, que se realizará em setembro próximo, com a formulação deste desejo comum.

Com essa proposta-pedido, prevê-se, concretamente, a constituição de uma Província única, formada pelas oito Províncias subscritoras, até ao ano 2015, com governo ordinário próprio e articulada em Regiões (ex-Províncias), por sua vez, também estas com governo próprio, embora com poder ordinário delegado.

Os subscritores do abaixo-assinado aduzem, como argumento forte em favor da aprovação desta petição, que esta é uma escolha providencial e uma riqueza recíproca em favor das Entidades interessadas, sobretudo em ordem à solidariedade no pessoal, nos projetos comunitários, na formação inicial e permanente, na promoção vocacional, na comunhão económica, permitindo também uma maior internacionalização e inculturação no contexto eclesial, civil e económico do nosso espaço geográfico.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *